20 de outubro de 2017

Sport pressiona mas fica só no empate com o Santos, na Ilha do Retiro

Foto: Williams Aguiar / Sport Club do Recife

Foto: Williams Aguiar / Sport Club do Recife

O Leão recebeu o Santos em casa, nesta quinta-feira (19), buscando uma vitória para se distanciar da zona de rabaixamento. Com a presença de Diego Souza, o Maior do Nordeste lutou até o fim, pressionou, mas ficou só no empate com o Santos.

O Sport sofreu um susto logo no início da partida. Logo aos 30 segundos Ricardo Oliveira foi lançado e obrigou Magrão a fazer uma excelente defesa. Dois minutos depois, novamente o atacante santista invadiu a grande área e bateu cruzado, dessa vez abrindo o placar para os visitantes.

Com o resultado adverso, o Rubro-Negro tratou logo de equilibrar o jogo. A melhor oportunidade foi aos 34 minutos com Diego Souza, que fez bela jogada individual e bateu rasteiro de canhota. Vanderlei fez milagre, garantindo a vantagem para o time paulista no intervalo.

Pressionando desde o primeiro minuto, o Sport voltou com outra postura para a segunda etapa. O goleiro Vanderlei foi o grande destaque, fazendo ótimas defesas e impedindo os gols leoninos. No entanto, a luta foi premiada aos 38 minutos. Rogério fez boa jogada individual e tentou cruzar para Diego. A bola passou pelo Embaixador de 87 e também por toda a zaga do Santos, morrendo no fundo da rede.

Faltando poucos minutos, o Leão tentou a virada, em vão. Com o resultado, o time permanece na décima quarta posição, com 35 pontos. O próximo confronto é contra o Atlético Paranaense, fora de casa. A partida acontece no domingo (22), às 16 horas do Recife.