12 de julho de 2016

Torcedor da Ponte Preta vai até hotel do Sport para encontrar Diego Souza

Roberto (esquerda), Daí (centro) e Diego Souza no hotel da delegação leonina.

Roberto (esquerda), Daí (centro) e Diego Souza no hotel da delegação leonina.

Que Diego Souza é ídolo, todos nós sabemos. Aos 31 anos, foi assim por onde passou: desde o Fluminense, em 2005, até agora, no Sport. Isso porque sempre foi muito mais do que um meia. A cada jogo, mostra que não é dono só de uma rara habilidade, explosão e força, mas tem a alma de cada torcedor das arquibancadas. E não só do seu torcedor. Até mesmo os rivais o admiram e o idolatram.

Caso, por exemplo, de Daí Cruz, de 38 anos. Baiano, morador de Campinas e torcedor da Ponte Preta, ele não esconde sua admiração por DS87. E mais do que isso, foi até o hotel onde a delegação do Sport se hospedou o último final de semana para poder tirar uma foto e falar com o jogador.

– Sou torcedor da Ponte, mas admiro muito o Diego. Vejo todo jogo dele. É um grande jogador, uma grande pessoa. Muito humilde, solícito e faz muito bem a todos. – disse Daí.

Daí conseguiu realizar o seu desejo. Com a ajuda de seu amigo Roberto, primo de Diego Souza, passou boa parte do seu sábado no saguão do hotel junto de DS87, que apareceu após o almoço. O fã pode dar um abraço, tirar uma foto, trocar algumas palavras com o meia e até mesmo ver a participação do craque na gravação do “Bolívia Talk Show”, programa do desimpedidos.

– Diego é parceiro. Um cara muito correto! Não sou torcedor do Sport, mas torço muito pelo Diego, quero sempre o melhor para ele. – elogiou Daí, feliz com o êxito de ter encontrado DS87.

Além de ser muito querido pelos torcedores, Diego Souza é um dos destaques deste Campeonato Brasileiro. Até agora, em 14 jogos, fez 6 gols, deu 2 assistências para gols e 20 para finalizações.