24 de junho de 2016

Sport quebra tabu e conquista ponto contra o São Paulo, no Morumbi

Diego Souza disputa bola com Paulo Henrique Ganso

 

O Sport saiu de recife com uma difícil missão: quebrar um tabu que já durava 16 jogos. O Leão jamais havia pontuado na casa do São Paulo. Além disso, continuar a reação para sair da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

A partida começou com domínio do time paulista, que pressionou bastante durante os 15 primeiros minutos de jogo. Aos 13, Paulo Henrique Ganso perdeu um gol incrível, dentro da pequena área, chutando a bola por cima do gol defendido por Magrão.

Logo aos 16, o panorama do jogo mudou: comandado pelo Embaixador de 87, o Leão equilibrou a partida e começou a criar boas jogadas. Após falha do zagueiro Maicon, Diego Souza partiu para cima, deu dois cortes desconcertantes no próprio Maicon e bateu forte de esquerda, para fora.

A resposta dos donos da casa veio logo em seguida: aos 21, Michel Bastos recebeu um belo passe de PH Ganso, saiu na cara de Magrão, que fez uma grande defesa com a perna direita. Já aos 25, DS87, em cobrança de falta, soltou uma bomba que passou entre a barreira são paulina, para defesa segura do goleiro Denis.

No final do primeiro tempo, aos 40, Diego Souza, mais uma vez, passou facilmente pelo zagueiro Maicon, limpou e chutou novamente com a perna esquerda, para mais uma boa defesa de Denis. Ambas equipes foram para o vestiário com um empate sem gols.

Na segunda etapa, o São paulo começou pressionando muito a equipe pernambucana, explorando o lado esquerdo de ataque, principalmente com o camisa 7 Michel Bastos. Foram diversas chances criadas, que fez com que a defesa do Sport cometesse um grande número de faltas. Aos 12, Kevin, que vinha se destacando na partida, sentiu uma forte dor muscular e desabou em campo. Foi substituído e deu lugar ao argentino Centurión.

Daí em diante, pressão do São Paulo. Tirando mais uma falha cometida pelos tricolores, aos 33, quando Edmilson quase conseguiu aproveitar para finalizar e aos 35, quando Diego Souza chutou prensado na zaga, Thiago mendes e cia incomodaram a zaga leonina e criaram muitas oportunidades de gol.

Já nos acréscimos, aos 46, Diego Souza deu um lindo passe para Reinaldo Lenis, mas o colombiano não obteve êxito no cruzamento. A última oportunidade no jogo foi de Thiago Mendes, que apareceu livre na direita, recebeu um lindo passe de PH Ganso, cortou Rodrigo Mancha, mas chutou forte para fora.

O próximo desafio do Maior do Nordeste será neste domingo (26), contra a Chapecoense, na Ilha do Retiro. Somando um ponto importante e quebrando um tabu, o Leão permaneceu no 18º lugar da tabela do Campeonato Brasileiro.